Motivos da Fome Noturna

Quantas vezes a gente já não se pegou sentindo um desejo enorme de comer alguma coisa "proibida" no meio da noite, hein? Eu já senti isso várias vezes mas felizmente, na maioria delas, não tinha o tal alimento por perto. Mas, e quando a vontade não é de comer uma coisa específica, e sim tudo o que a gente vê pela frente? Ai já viu, né, difícil controlar. Fiz algumas pesquisas pra entender o motivo dessa fome avassaladora que vem noite ou outra e descobri que podem haver vários motivos, mas transcrevi aqui o mais simples e o que eu acho que mais se encaixa no meu caso. Se mais alguém se encaixa nessa categoria, apresente-se nos comentários, por gentileza!

Se você é daquelas que passa o dia se controlando para manter uma dieta equilibrada, mas quando chega a noite sofre de uma fome compulsiva, as causas para este comportamento são variadas e podem, de fato, atrapalhar a sua boa forma. Quanto mais tarde for a refeição, mais leve ela deve ser, dizem especialistas. Por isso, é preciso balancear a alimentação durante o dia, sem pular refeições, abusando das fibras e da água.
A causa mais comum para a fome noturna é a alimentação restritiva durante o dia, ou seja, pobre em quantidade, mas também em nutrientes essenciais.
Algo de errado com a sua alimentação pode provocar este vazio no estômago ao entardecer. o problema pode estar no café da manhã, sabia? Esta refeição é muito importante para você nutrir o organismo e garantir energia durante todo o dia, evitando a fome noturna exagerada e a ansiedade. “É ideal comer, principalmente no café da manhã, alimentos ricos em triptofano – aminoácido que produz a serotonina, responsável pelo bom humor – como abacate, banana, grão de bico, abóbora e cacau”, explica a nutricionista do BSpace, Gabriela Pimentel. Além dos alimentos fonte de triptofano, os integrais também são muito bem-vindos, pois possuem bastante fibras, que demoram para ser digeridas e, portanto, consomem menos energia. Este processo deixa o estômago cheio por muito mais tempo. Pode acontecer ainda como fuga de problemas emocionais e por falta de disciplina alimentar. É importante identificar a origem do problema.
Vale procurar um endocrinologista ou até mesmo uma terapia para resolver a situação. E tenha sempre em mente: quanto mais tarde, mais leve deve ser a refeição. Afinal de contas, ao dormir, o organismo entra em metabolismo basal, ou seja, repousa. Os batimentos cardíacos, respiração e atividades celulares diminuem. O alimento noturno pode ficar retido no estômago muito mais tempo do que o normal.
E se, mesmo depois da janta, o estômago continuar reclamando, vale optar por um pote de gelatina, uma xícara de chá ou uma fruta.

3 comentários:

quero emagrecer disse...

oiii linda gostei muito do post me vi nele durante o dia me controlo numa boa mas a noite o bicho pega sou capaz de matar um de tanta fome kkkkkkkkk,beijossss

Renata Alves disse...

Oi Lucilene,
Vim dá uma passadinha pra dar um OI,rsrs!
Tá difícil encontrar o foco nesses dias de festas,mas vamos que vamos!
bjss

Fernanda Belizário disse...

Comecei minha RA hj,mas é verdade,a fome bate mesmo mais tarde. A noite então,como eu durmo tarde,o controle deve ser maior. Eu já tenho gelatina diet na geladeira e frutas,p não comer bobagens. Beijocas linda!!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...